Reflexão: O jogo infantil era uma questão de sobrevivência

Familiares desesperados despedindo-se de uma criança (que seria enviada para a morte) através da cerca da prisão central do gueto. Naquela cadeia, crianças, doentes e idosos ficavam aprisionados antes de serem deportados para sua morte em Chelmno, como parte da ação entitulada Gehsperre. Lodz, Polônia. Foto de setembro de 1942

"O jogo infantil era uma questão de sobrevivência...
O jogo tinha um potencial muito pequeno para modelar ou alterar a vida...
A capacidade de fugir da realidade através do jogo...
Não poderia ser mais do que um mito. Mas era um mito maravilhoso – criava uma ambiguidade moral, mostrando as coisas como se poderia pensar que deveriam ser, não como eram...
No holocausto...o jogo...tornou-se uma forma instintiva para compreender o absurdo e para ajustar o irracional...
O jogo infantil é um reflexo da humanidade...
A humanidade e a inumanidade estão refletidas nas crianças."
(George Eisen, 1988)

Nenhum comentário: